Senadora Juíza Selma é titular na comissão de Agricultura e Reforma Agrária

54

Representante do Estado de Mato Grosso no Senado, a social liberal Selma Arruda (PSL-MT) passa a integrar, como membro titular, a Comissão de Agricultura e Reforma Agrária (CRA), com mandato até fevereiro de 2021, sob a presidência da correligionária Soraya Thronicke (PSL-MS). A indicação partiu do senador Eduardo Girão (PODE), líder do Bloco Parlamentar PSDB/PODE/PSL.

 Estreante no parlamento, Selma Arruda tem tido destaque como representante do PSL no Senado. A ex-juíza foi indicada como membro titular em seis comissões permanentes, sendo elas: Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), Comissão de Agricultura e Reforma Agrária (CRA), de Transparência, Fiscalização e Defesa do Consumidor (CTFC), Assuntos Sociais (CAS), Comissão de Direitos Humanos (CDH), Ciência e Tecnologia (CCT).

 A parlamentar também é suplente em outras duas comissões: Comissão de Desenvolvimento Regional (CDR) e Comissão de Infraestrutura (CI). Na terça-feira (19.02), a senadora toma posse como coordenadora institucional da Frente Parlamentar da Agricultura (FPA), uma das mais importantes do Congresso.

 “Eu fico muito honrada e vejo como um fato natural essa representação na Comissão de Agricultura e também na Frente Parlamentar do mesmo setor. Mato Grosso é um estado que tem o agronegócio como sua principal fonte econômica e isso nos torna representantes das pautas do agro no Congresso. Além disso, essa foi uma das minhas bandeiras de campanha. Eu sempre disse que o todo o Brasil, e principalmente os setores produtivos, já sofrem demais com o excesso de taxas. Vou legislar para que haja um equilíbrio. Assim podemos destravar a criação de empregos e consequente geração de renda”, defendeu a senadora.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here